Eleições 2020

Ygor Queiroz terá vereador como vice em São João do Tigre

Ele exerceu cargo em Campina Grande enquanto era vereador em S.J.T

Gerou muita repercussão a informação de que o vereado Ygor Queiroz, da cidade de São João do Tigre, distante 200 km de Campina Grande, ocupou cargo efetivo na ‘Rainha da Borborema’ sem prestar expediente. O caso foi noticiado primeiro pelo Blog do Fábio Brito.
Dados do Sagres-TCE/PB, mostram que ele esteve lotado na PMCG desde o ano de 2013 até março deste ano quando paralelamente assumiu mandato de vereador, inclusive, ocupando a presidência da câmara por dois biênios, o que é incompatível com o exercício de suas funções junto à PMCG, no cargo de Assistente de Administração depois transferido para diferentes órgãos.
Quanto à sua situação em São João do Tigre, onde ele deve fechar uma chapa puro sangue pelo PSD tendo o vereador Valdiro Tutu como candidato a vice-prefeito. Vaga que ele já prometera a Paulo da Carreta e demais líderes da oposição que acabaram rompendo. Ygo lançou pré-candidatura, mas já existem jurisprudência condenatórias na Justiça para casos semelhantes. A informação foi recebida com revolta pela população local.

Passagem por vários partidos

Na caminhada para firmar sua postulação, Ygor Queiroz prometeu filiação ao Solidariedade durante encontro que teve com Manoel Júnior. O mesmo aconteceu em relação ao Pros durante reunião com os deputados João e Edna Henrique, além do filho deles Michel Henrique. Depois, a mesma promessa foi feita ao deputado Efraim Morais em relação ao DEM. Teve com o deputado Pedro Cunha Lima também prometendo filiação ao PSDB. Fez o mesmo no PTB numa reunião com o deputado Wilson Santiago. A penúltima vítima foi o deputado Inácio Falcão, quando prometeu se filiar no PC do B. No final, acertou mesmo foi com o PSD, do prefeito Romero Rodrigues, atendendo pedido do deputado Tovar.
Essa salada de partidos procurados fez com que Ygor Queiroz perdesse apoio do grupo que formava a então oposição, como Sandra Freitas e Serginho Freitas. Ela foi candidata da oposição em 2016, quando teve 832 votos, e candidata a deputada estadual obtendo expressiva votação no município, enquanto, ele é suplente de vereado com muito serviços prestado. Perdeu, ainda, o apoio do empresário Gil de Beta, de Beto Dias, Toim Dias e Cícero Dias. Ygor teria como pré-candidato a vice-prefeito Paulo da Carreta e, agora, deve ter o vereador Valdiro Tutu, fazendo assim uma chapa puro sangue.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios