DestaquePolítica

Prefeitura de João Pessoa anuncia 10 novos leitos de UTI para covid-19; ocupação já é de 74% nos leitos de UTI do município

O Hospital Prontovida terá os primeiros leitos abertos no dia 11 de maio. Lá serão 82 leitos de enfermaria e 32 leitos de UTI, totalizando mais 114 leitos.

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou 10 novos leitos de UTI em funcionamento no Hospital Santa Isabel, alcançando a marca de 128 alas dedicadas ao combate da Covid-19 apenas na rede municipal. Atualmente 74% dos leitos de UTI do município destinados a Covid-19 já estão ocupados, assim como 49% dos leitos de enfermaria.

O Hospital Prontovida terá os primeiros leitos abertos no dia 11 de maio. Lá serão 82 leitos de enfermaria e 32 leitos de UTI, totalizando mais 114 leitos. “Cada novo leito aberto é uma grande conquista. As dificuldades são muitas. Estamos enfrentando uma concorrência mundial por equipamentos e insumos”, disse o secretário de Saúde, Adalberto Fulgêncio. As informações foram dadas em entrevista coletiva nesta quinta-feira (30).

Com 499 casos registrados na Capital paraibana, as projeções realizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) indicam que os números poderiam ser muito maiores se as medidas de isolamento social não tivessem sido adotadas pela Prefeitura de João Pessoa antes do registro dos primeiros casos. Até hoje, morreram 32 pessoas na cidade vítimas da Covid-19, mas este número seria mais de seis vezes maior se a cidade não tivesse em isolamento.

A necessidade por leitos de UTI também cresceria 139%, sobrecarregando a rede hospitalar que, até o momento, vem se preparando e tendo capacidade assistencial superior à demanda, tanto nos leitos de UTI como de enfermaria.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios